Impotência Masculina o que Fazer, Tem Cura?

impotencia masculina o que fazer

Impotência masculina saber o que fazer para tratar, dúvidas sobre se tem cura ou não saber diagnosticar e descobrir a causa da disfunção erétil.

O homem tem muito medo quando o assunto é impotência masculina é normal as dúvidas sobre o que fazer quando o problema é diagnosticado.

Mas o primeiro passo é identificar a causa da impotência, sabendo a causa fica mais fácil saber como proceder, o que fazer para tratar.

Para isso, é necessário a consulta de um médico urologista que vai fazer exames clinicos e laboratoriais e indicar o melhor tratamento para cada caso.

No entanto, existem alguns métodos e mudanças que podem ser implementadas na sua rotina que vão ajudar a diminuir e até reverter a impotência masculina.

impotencia sexual masculina causas
Como resolver impotência masculina

Impotência masculina como resolver?

Existem muitas causas diferentes que podem provocar a impotência masculina temporária ou definitiva.

Em casos em os sintomas de dificuldade de ter e manter a ereção, ereção flácida ou mole e a diminuição do tamanho do pênis, em geral a disfunção erétil já esta instalada.

É indicado consultar um médico urologista para fazer um diagnóstico e recomendar o melhor tratamento, o mais adequado para você.

Algumas da causas mais comuns para a impotência são:

  • O uso prolongado de certos medicamentos.
  • O fumo ou tabagismo
  • Excesso de bêbedas alcoólicas
  • Diminuição da libido ligado a questões hormonais
  • Traumas psicológicos ou físicos.

A impotência masculina ou disfunção erétil é caracterizada pela perda da função erétil, ou seja, a incapacidade do homem de manter a ereção dura o suficiente para a penetração.

Sem dúvida esse é um problema que afeta a auto estima do todo homem, e segundo especialistas atinge pelo menos 50% dos homens.

Levando em consideração os homens que conseguem ter ereção mas, não conseguem manter pode muito tempo perdendo a ereção durante o ato sexual.

Causas da impotência masculina.

De acordo com o seu estilo de vida e necessidades pode ser mais simples identificar a raiz de sua impotência, tornando mais fácil o tratamento.

Veja a seguir quais são as principais causas da impotência masculina.

Cigarro e bebidas alcoólicas

Não é novidade que o consumo de bebidas alcoólicas e cigarros afetam negativamente todo o corpo, causando dependência.

Eles também afetam a região genital o órgão sexual masculino perderá sua potência com o tempo de consumo dessas substâncias.

Isso porque afetam a circulação do sangue, e o fluxo sanguíneo é necessário para ter e manter a ereção por tempo suficiente para relação sexual.

A tendência de homens que fumam e bebem, seja em excesso ou não, na maioria dos casos terão problemas de ereção, levando a desenvolver a impotência sexual.

O que fazer.

Em casos de consumo de bebidas e cigarros o primeiro passo é cortar totalmente o consumo desse se preciso busque ajuda médica para isso.

Os benefícios a saúde em geral começaram a ser sentidos pouco tempo depois de para e fumar e beber e serão gradativos.

Remédio de uso prolongado.

Existem alguns remédios usados para tratar algumas doenças consideradas crônicas, como a hipertensão, diabetes e depressão.

Em alguns casos a impotência masculina é um efeitos colateral ao uso continuo desse tipo de medicamento.

Se você faz uso prolongado de medicamentos como anti-hipertensivos, antipsicóticos ou antidepressivos e sente problemas de ereção pode, é um sinal de que está desenvolvendo a disfunção erétil.

Como resolver

Se você tem sintomas de impotência masculina, e faz uso desse tipo de medicamento, converse com seu médico e busque medicamentos alternativos aos que usa.

Também procure um urologista e converse sobre o assunto. O ideal é sempre dar preferência a medicamentos naturais.

Obesidade ou excesso de gordura corporal

A obesidade pode causar pu agravar a impotência masculina de duas formas prejudica a circulação e baixa os níveis de testosterona.

O excesso de peso aumenta os riscos de desenvolver doenças cardiovasculares que dificultam o fluxo de sangue.

Como é o caso da arteriosclerose que causa o entupimentos das veias e artérias dificultando a ou impedindo a ereção satisfatória para a manter a relação.

A obesidade também está ligada a diminuição dos níveis de testosterona, a os baixos níveis de testosterona está diretamente ligado a falta de desejo masculino assim como a disfunção erétil.

O que fazer

As principais formas de combater a obesidade e o excesso de peso é a prática regular de atividades físicas e alimentação equilibrada.

Para melhores resultados procure um nutricionista e preparador físico. Mantendo o peso equilibrado os sintomas de impotência masculina vão começar a diminuir.

Doenças psicológicas e depressão

Problemas como ansiedade sentimentos negativos como medo e insatisfação geram nervosismo o que piora os casos de disfunção erétil e ejaculação precoce.

A depressão também e bastante prejudicial não apenas a depressão mas os medicamentos usados para o tratamento como ja falamos.

O que fazer

Buscar ajuda de psicólogos para tratar os transtornos de ansiedade e sentimentos nocivos como medo e insatisfação.

Alterações hormonais

Existem diversos problemas que causam alteração hormonais como a própria diabetes e hipotiroidismo que afetam o metabolismo provocando problemas da função erétil masculina.

Outro hormônio importante é o testosterona, que baixa dos níveis desse hormônio está ligada a alimentação, idade e estilo de vida principalmente contribuindo para o aparecimento e impotência afetado sua capacidade sexual.

O testosterona também esta ligada a libido masculina e a potência sexual, alem de massa muscular e queima de gordura.

Como resolver.

Procurar um médico endocrinologista, ele vai avaliar todo o funcionamento do seu organismo identificar as deficiências hormonais e fazer a reposição.

Problemas no pênis

Problemas como fibrose, cistos e alterações na anatomia do pênis podem dificultar o fluxo de sangue no pênis.

Isso leva a diminuição do fluxo sanguíneo nos corpos cavernosos do pênis, esse tipo de problemas também causam um encurtamento na pele da pênis causando o diminuição do pênis.

Como resolver.

Se esta for a causa da impotência masculina o recomendado é procurar um urologista, existe e possibilidade de uma intervenção cirúrgica para correção se for o caso depende da avaliação do seu médico.

Uso de drogas ilícitas

Assim como o cigarro e o álcool podem levar a impotência a longo prazo, o uso de drogas como maconha, cocaína ou heroína estão frequentemente ligadas a disfunção erétil.

Não apenas pelos efeitos nocivos na alterações psicológicas que podem levar ao distanciamento do mundo real, mas por afetarem de forma prejudicial a circulação a longo prazo.

O que fazer.

Evitar o uso de qualquer tipo de drogas, se você já faz uso e tem dificuldades de parar é um mau sinal, mas procurado ajuda especializada e psicólogos e terapeutas vai ajudar.

Como resolver casos de impotência.

Se você sente qualquer sintoma que levam a acreditar que está com disfunção erétil, tem problemas para ter e manter a ereção por um tempo suficiente para uma relação

Não tarde a consultar um médico essa é a primeira recomendação, com exames clínicos e laboratoriais ele vai identificar o grau da disfunção e qual o melhor tratamento.

Como é o tratamento.

Os tratamentos geralmente recomendados incluem remédios como viagra e cialis, terapia de reposição hormonal.

Em casos mais extremos o medico pode recomendar procedimentos cirúrgicos para colocação de prótese ou correção de alguma deformidade anatômica no pênis ou as bomba de vácuo também conhecidas como bomba peniana. Saiba tubo sobre remédios para aumentar o pênis.

Você precisa ler isso também

relfake

Deixe uma resposta

18 − 10 =